Biblioteca Aberta do Ensino Superior da Universidade de Aveiro

Biblioteca Aberta do Ensino Superior da Universidade de Aveiro >
ALFA - Comunidade BAES >
Dissertações de mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10849/196

Title: Terapia cognitivo-comportamental em grupo e sertralina no tratamento do transtorno obsessivo-compulsivo
Authors: Sousa, Marcelo Basso de
Keywords: Psicoterapia de grupo
Terapia cognitiva
Terapia comportamental cognitiva
Transtorno obsessivo-compulsivo
Issue Date: 2005
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Medicina
Abstract: Fundamentação: A terapia cognitivo-comportamental em grupo (TCCG) e os inibidores da recaptação da serotonina (IRS) apresentam eficácia comprovada em reduzir os sintomas do transtorno obsessivo-compulsivo (TOC). Ainda é uma questão em aberto qual destas modalidades de tratamento é a mais efetiva. Este estudo foi conduzido para avaliar a eficácia da TCCG em relação à da sertralina na redução dos sintomas do TOC. Metodologia: Cinquenta e seis pacientes com diagnóstico de TOC, de acordo com os critérios do DSM-IV, participaram do ensaio clínico randomizado: 28 recebendo 100 mg/dia de sertralina e 28 realizando TCC em grupo por 12 semanas. A eficácia dos tratamentos foi avaliada pela redução nos escores das escalas Yale-Brown Obsessive Compulsive Scale (Y-BOCS) e Clinical Global Impression (CGI). Resultados: Ambos os tratamentos foram efetivos, havendo uma tendência de superioridade da TCCG em relação à sertralina na redução dos sintomas obsessivo-compulsivos (F= 3,1; GL= 1; p= 0,083). Os pacientes tratados com TCCG obtiveram uma redução percentual média dos sintomas de 43%, enquanto os tratados com sertralina obtiveram somente 28% de redução (p= 0,039). A TCCG também foi significativamente mais eficaz na redução na intensidade das compulsões (p= 0,030). Além disso, oito pacientes (32%) tratados com TCCG apresentaram remissão completa de sintomas do TOC (Y-BOCS menor ou igual a 8) contra apenas 1 (4%) entre os que receberam sertralina (p= 0,023).
Description: Disponíveis as páginas 1-2; 11-42 e 67-92.
URI: http://hdl.handle.net/10849/196
Appears in Collections:Dissertações de mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Terapia cognitivo-comportamental em grupo e sertralina.rtf2.11 MBRTFView/Open
Terapia cognitivo-comportamental em grupo e sertralina.pdf204.64 kBAdobe PDFView/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! DSpace Software Copyright © 2002-2010  Duraspace